TRADUTOR

terça-feira, 8 de outubro de 2013

SEMINÁRIO – SOCORROS PARA CASAMENTOS FERIDOS. - PARTE 01




PRIMEIRA PARTE – TOMANDO PÉ DA SITUAÇÃO.

Neste trabalho, iremos tentar  analisar e orientar os casais que estão passando por crise matrimonial  a encontrarem um caminho que os levem de volta ao rumo do casamento projetado por Deus.
Quando, em uma viagem, percebemos que estamos na estrada errada e  que a mesma não nos levará ao destino planejado, existem algumas atitudes a serem tomadas:
1.    Reconhecer que pegou a estrada errada e estão fora do destino planejado e  de nada adianta ficarem discutindo e brigando, acusando um ao outro por estarem fora do rumo.
2.    Parar a viagem, pois quanto mais tempo continuarem, mas demorado e difícil será retomar o caminho certo.
3.    Procurar orientação.
4.    Dar meia volta.
5.    Ser persistente, até chegar ao ponto correto.

Hoje, vamos falar sobre, tomando conhecimento da situação.
Muitos casais acabam indo até o divorcio, por não reconhecerem que estão no caminho errado e ignorarem os sinais de que o relacionamento não esta bem.
E quais são esses sinais? Vamos listar alguns:
·         Redução na comunicação entre o casal.
·         Falta de afeto e carinho.
·         Palavras ásperas e grosseiras.
·         Um deitar e dormir primeiro que o outro.
·         Não saírem juntos.
·         Não namorarem.
·         Ato conjugal reduzido.
·         Ausência no lar.
·         Maior parte do tempo com “amigos”.
·         Sonhos e projetos engavetados.
·         Falta de cumplicidade.
·         Etc.
Ao detectar alguns desses sinais em seu relacionamento, procure ajuda imediatamente.

Não espere a doença se agravar para procurar socorro.
Alguns costumam  jogar os problemas para debaixo do tapete, esperando que eles sumam, porém, eles não desaparecerão e em breve o tapete vai explodir e a sujeira será exposta e contaminará a todos que estiverem em redor.

A primeira pessoa que você deve procurar  é O SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO.
Entregue sua vida completamente a Ele e derrame suas lagrimas em seus pés.
Peça a Jesus para preencher completamente sua vida.
Peça a Ele para perdoar os seus pecados e sua negligência em não perceber os sinais que avisavam que seu casamento estava em perigo.
Não dê ouvidos àqueles que dizem que seu casamento está falido e não tem mais solução.

Lembre-se:
Seu casamento e sua família estão em constantes ataques de satanás e seus demônios, cujo interesse é matar, roubar e destruir (João 10.10).
Tanto seu cônjuge, como aqueles que lhe aconselham mal, estão sob influencias demoníacas, portanto, não lute contra as pessoas, lute contra os principados e potestades (Efésios  6.12).
Não olhe para as circunstancias, olhe para Jesus, pois quem olha para as circunstancias, enxerga somente o agora e não o projeto que Deus tem para a vida do casal.
Não ameace e nem dê ultimado ao seu cônjuge, trate-o como alguém que precisa de seu amor e de Jesus.
Tenha uma vida de oração, leitura da bíblia e adoração a Deus, mesmo que seja só.

ORE ASSIM:
“Senhor Meu Deus e meu Pai, meu casamento e minha família estão sob forte ataque do inimigo, que quer destruí-lo. Não tenho forças e nem condições de vencer essa batalha. Senhor ajude-me. Lute por mim, seja minha força e meu sustentáculo. Dê-me a alegria da tua salvação e sustenta-me com um espírito voluntário.
Ensina-me a confiar  e esperar em Ti.
Por Cristo Jesus, Meu Senhor, oro. Amém e amém.”

Cuiabá-MT, 08 de Outubro de 2.013.
Pr. Elias Souza & Quitéria.